sábado, 14 de julho de 2012

Crítica sobre: Gen Pés Descalços Volume 4 e 5 {Quadrinho}


"Quero que as crianças aprendam sobre Hiroshima.E, quando crescerem, quero que transmitam a mensagem corretamente para a próxima geração. Desejo que os jovens carreguem consigo um correto senso de julgamento, para que não levem a humanidade à aniquilação. Este é o meu dever" Yoshitaka Kawamoto -- Sobrevivente da Bomba Atômica -- (Nota de Orelha) 


Neste quarto volume Gen continua sua luta após a tragédia, ele sua mãe e irmãzinha continuam seu trajeto, após a guerra, e novamente estão a procurar de um lugar para morarem. Enquanto Gen e sua pequena família encontram dificuldades, para achar o que comer e para conviver com tudo ao seu redor, os americanos procuram esconder a barbárie causada por eles mesmos.

Superando as dificuldades, nos 2 primeiros volumes Gen termina o terceiro volume com a esperança de um recomeço, enfim o trigo começara a brotar, e novamente neste volume Gen lembra-se do que seu pai havia lhe contato sobre o trigo! 

Sobre o mangá, o traço de Nakazawa continua simples, mas profundo, continua a mostrar de maneira direta tudo a respeito do que foi sobreviver a bomba atômica. E digo verdadeiramente que eu gosto sim de como ele descreve a história tanto pelas ilustrações quanto pela escrita.

Este é o meu volume preferido até então, um dos que mais me emocionei, e que termina de uma forma tão triste, mas que deixa com fome de ler logo a continuação! Não querendo desfazer dos outros volumes que estão tão bom quanto este, mas este acabou sendo o meu favorito até então.

A cada volume que leio da série "Gen Pés Descalços", me apaixono mais pelo trabalho de Nakazawa, conforme o mangá vai avançando vou me prendendo cada vez mais a ele. Penso que todos deveriam ter a oportunidade ler "Gen" e conhecer mais do trabalho de Nakazawa como, ficar sabendo mais sobre o que a ‘Bomba Atômica’ é capaz de fazer e mostrar que não devemos nunca mais deixar algo do gênero acontecer.

Interessante lembrar que desta vez, o final do mangá Gen, Jun Ishiko trás um pequeno texto sobre Gen e si próprio, comparando as diferenças, de um ter sofrido com a Bomba e outro com a guerra, um texto muito interessante, que ajuda você compreender mais ainda a história do mangá.

O mangá continua com muito drama, cheio de detalhes, mas sem muito excesso. E quanto o mangá avança, mais empolgante e emocionante ele vai se tornando. O mangá continua a prender o leitor, desde o começo ao fim! Mais que recomendo a leitura de GEN, já digo que ele deveria ser uma leitura Obrigatória!


[...]"Nós que vivenciamos todos estes sofrimentos, esperamos que nossos filhos e netos não tenham que experimenta-los. Não só nossos filhos e netos, mas as futuras gerações mão devem passar por essa tragédia. Por isso quero que os jovens conheçam nossa história e escolham o caminho certo, o caminho que leva à paz" - Yoshito Matsushige (Sobrevivente da bomba atômica) [...]


E agora sobre o que achei do quinto volume do mangá de Gen: Sentimento ao terminar o Mangá: Enxuga uma pequena lágrima dos olhos/ funga e por final entristece! ... Quando que sai o próximo? Esperando ansiosa pela continuação.

Qual minha nota para o livro:


Título: Gen Pés Descalços #4 - Cresça firme, trigo verde
Autor: Keiji Nakazawa
Editora: Conrad

Sinopse: Em Gen Pés Descalços, aclamada série de mangás em dez volumes, acompanhamos a infância e a juventude de Gen Nakaoka, desde os meses que antecederam a explosão da bomba atômica em Hiroshima até os amargos anos que se seguiram a esse terrível episódio da história da humanidade. O volume 4 da série mostra a ocupação do Japão pelas tropas norte-americanas e a tentativa dos Estados Unidos de ocultar a destruição provocada pela bomba atômica. Enquanto isso, a população de Hiroshima tenta restabelecer suas atividades cotidianas, mas ainda precisa lidar com as doenças provocadas pela radiação e com a escassez de alimentos. Gen e sua família se veem novamente sem um lugar para morar e precisam enfrentar a dificuldade de arrumar trabalho e os problemas de saúde provocados pela desnutrição. Apesar de todas as adversidades, Gen se mantém firme no propósito de ser forte e não se deixar abater. Gen Pés Descalços é um clássico dos quadrinhos, criado em forma de relato autobiográfico por Keiji Nakazawa. A série foi traduzida para diversos idiomas e lançada em mais de dez países. Acima de tudo, foi a obra que revelou para os japoneses e para o mundo o horror em que Hiroshima se viu mergulhada depois da explosão da bomba atômica. Gen Pés Descalços é um registro precioso e um libelo pela paz.

Título: Gen Pés Descalços # 5 - Volume 5
Autor: Keiji Nakazawa
Editora: Conrad

Sinopse: Em Gen Pés Descalços, aclamada série de mangás em dez volumes, acompanhamos a infância e a juventude de Gen Nakaoka, desde os meses que antecederam a explosão da bomba atômica em Hiroshima até os amargos anos que se seguiram a esse terrível episódio da história da humanidade. O volume 5 da série traz a luta de Gen, sua família e seus amigos para sobreviver em meio às dificuldades de saúde, conseguir trabalho e lidar com a máfia, que começa a expandir sua atuação. Apesar de todas as adversidades, Gen se mantém firme no propósito de ser forte e não se deixar abater. Gen Pés Descalços é um clássico dos quadrinhos, criado em forma de relato autobiográfico por Keiji Nakazawa. A série foi traduzida para diversos idiomas e lançada em mais de dez países. Acima de tudo, foi a obra que revelou para os japoneses e para o mundo o horror em que Hiroshima se viu mergulhada depois da explosão da bomba atômica. Gen Pés Descalços é um registro precioso e um libelo pela paz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Olá leitores.
Que bom que gostaram do Post! Quer compartilhar a sua opinião?.

↺Comentários ofensivos, que agridam a mim ou a qualquer outra pessoa ou entidade (autor, seguidor, editora) também será deletado.

↺Agradeço seu comentário! Sua opinião é de extrema importância para o blog e para mim. (Pode ter certeza que, responderei o seu comentário assim que possível.) Volte Sempre!



Importante!! Pessoal, caso encontrem links com defeitos, avisem por comentário ou pelo e-mail: angelicapinheiropereira@gmail.com, para que possamos arruma-los.